Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Pelo Olhar Da Numerologia

Pelo Olhar Da Numerologia

19
Out17

O despertar

Têm, de facto existido muitas afirmações que vão no sentido de “tento andar para a frente, mas, só vejo andar para trás”!! um pouco à semelhança do texto que escrevi aqui

 

 

buddha-1996167_1920.jpg

 

Ora bem, não querendo assustar ninguém, vou falar um pouco mais em pormenor desta fase do ano, que já se viu. Não tem sido fácil para ninguém, e todos nós, sem exceção estamos inseridos em 2017, ninguém atrasa nem ninguém adianta, logo, ninguém pode fugir!

 

Não posso dizer que seja uma fase fácil, ainda assim posso afirmar ser algo de necessário.

É necessário que consigamos aprender para que possamos evoluir.

 

Nada na verdade parece estar a ir em frente nem a evoluir, mas, a verdade é que está. Se, se aperceber bem do que se passa à sua volta verá que há algo a evoluir, tendo em conta que, essa evolução não tem que necessariamente estar visível a olho nu! Aliás, em muitos casos essa evolução, é interior, pelo que não é tão aparente assim quanto seria de esperar.

 

Existe nesta fase uma necessidade extrema de aprender lições! Sim. Temos de aprender sobre várias coisas. Para uns essas lições são mais fáceis que para outros, porém, todos sem exceção, têm de passar por elas.

 

As lições podem aparecer a vários níveis, e não têm que estar presentes em todas as áreas da vida. por exemplo; o trabalho pode correr bem, e a vida amorosa nem tanto, ou o inverso. Mas, o importante a reter é, que tipo de lições temos que aprender??

 

Aprender a ter mais paciência, a saber esperar

Aprender a não encontrar resposta para tudo, pois nem tudo nos compete saber

Aprender a não criar resistência às coisas, nomeadamente, às mudanças

Aprender a afirmar-se, impondo-se

Aprender a ser resiliente

Aprender que nem tudo temos de controlar

e… talvez a mais complicada das lições… aprender a soltar-se do que já não está a fazer nada na sua vida a não ser encher…

 

Claro está que existirão ainda mais lições, e cada caso é um caso, todavia, estas, são as que mais tenho encontrado. Pelo que são também as mais comuns.

 

Existe, nesta fase uma necessidade de se soltar, de debloquear, porém, parece que não está a conseguir. Verdade? Pois bem isso é um claro sinal de que a lição, ainda não foi totalmente aprendida. Não basta dizer “já percebi” há que praticar aquilo que “já percebeu”.

 

O desbloqueio, acontece por norma, após uma fase menos feliz, apesar de todos eles, posteriormente trazerem realização pessoal. Sim, agora pode não estar a compreender o que isto pode trazer… e muito menos está a perceber que raio de realização pessoal isto traz… mas, traz e a verdade é que em muitos casos já se nota uma ligeira mudança nesse sentido.

 

Imagine-se uma pessoa que tem como lição conseguir afirmar-se, e que começa agora a consegui-lo, vai, aos poucos, começando a sentir-se realizada… ela, habituada a nunca se impor, provavelmente sentia-se não só habituada como confortável na condição de pessoa mais submissa. E claro, alguém que se habitua a isso, não consegue logo, compreender onde é que impor-se a realizaria, porque estava habituada a outro estilo de comportamento, e aquele, para ela, serviu-lhe durante um tempo. Mas passava os dias contrariada! Logo pouco ou nada realizada!

 

Tal como falei aqui, esta fase precisa de verdade, ora isso vai originar uma série de desbloqueios, a muitos níveis. Uns mais profundos que outros.

 

É preciso que se deixe cair muitas coisas, para que agora a verdade possa falar.

 

Voltando ao exemplo anterior. Uma pessoa submissa, deixa cair a sua fonte de sofrimento, e começa agora a impor-se.

 

Há duas coisas aqui a acontecer. Uma queda. Ela deixa de ser como era… e uma verdade a vir ao cimo… ela estava contrariada, vivia contrariada, pois raramente fazia aquilo que ela verdadeiramente queria. Então começou aos poucos a tomar o seu lugar no mundo, como alguém que também tem direito a decidir sobre ela.

 

É preciso notar que:

 

Esta fase não é má. É sim necessária, e lamento, mas, quanto mais tempo perdermos a resistir às coisas, mais dolorosa a lição vai ser, e mais complicadas as coisas tendem a tornar-se. Assim como mais tempo as coisas vão demorar a acontecer… quer evolução na sua vida, mas não a está a ver, é sinal de que ainda existe resistência por aí!

 

Estamos com a energia do 16 duplicada e com a 10 por trás… portanto têm mesmo de haver mudanças rumo ao despertar consciências e rumo à verdade e transparência.

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

O que o teu nome diz sobre ti?

Formações de numerologia

B.Stronger - Desbloqueia os teus medos

Compatibilidades

Que energia a tua casa emite?

Blogs Portugal